sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

AS PREVISÕES DE "FIM DO MUNDO" CONTINUAM...


A saga das previsões de "fim do Mundo" continuam sempre apesar dos sucessivos falhanços das datas anunciadas como a de 21 de Dezembro 2012 e tantas outras anteriores. Agora fala-se em 2026, 2035 e outras por diante durante milhares ou milhões de anos até um dia alguém acertar no dia e hora em que a Terra deixará de ser um planeta habitável no nosso sistema solar.

Até lá, seria bom que o homem considerasse bem seus comportamentos e parasse de explorar e agredir a Terra com esta forma de civilização, sem o que sofrerá cada vez mais as consequências de seus erros, ganância e ambição.



A realidade é que os degelos polares estão acontecendo de uma forma irreversível e as alterações climáticas se agravando de tal forma que originará grandes catástrofes e calamidades nos próximos anos. Esta é a verdade que não pode ser negada e tem sido cada vez mais anunciada. Por isso, não se iludam os que julgam que tudo está bem porque muitas coisas vão acontecer enquanto a Humanidade continuar a desrespeitar a Natureza explorando demasiado seus recursos (em especial o petróleo e a água potável que está a excassear) sem pensar no resultado que está a provocar.


Á parte de tudo isso, é bem real o número de armas atómicas que podem ser disparadas a qualquer momento, nem que seja por acidente e já dariam para destruir várias vezes o planeta ou toda a vida na terra por milhares de anos. Isso sim, seria o "Fim do Mundo" tal como o conhecemos e ninguém saberia dizer quantos ficariam ou se salvariam de uma tal Hecatombe dessa dimensão.

Cabe a todos nós evitar que isso aconteça algum dia começando por mudar hoje nosso "módus vivendi", alterando nossos hábitos e comportamentos diários e pensar verdadeiramente o que queremos fazer para o futuro desta Civilização.

Pausa para reflexão!

Rui Palmela

12 comentários:

Anônimo disse...

Amigo e irmão d'alma Rui Palmela.

Preliminarmente, quero dizer que achei a dissertação do Romão Casais -no artigo anterior - inspiradíssima, poética e de grande valor para o conhecimento humano.
Quanto a esta tua dissertação, achei-a magistral e verdadeira.

Urge; é fundamental; "deve haver"; carece; é impossível que o ser humano continue com este misticismo "Maiástico" (mistura de Maias com fiasco). É ridículo e infantil todo o misticismo "Igrejístico" que "consola" os fracos, ignorantes e oprimidos e que leva os "valentes" à cometerem actos abomináveis em nome das religiões (neste exacto momento, falidas).
Sábiamente diz o Rui quando afirma:-"...não se iludam os que julgam que tudo está bem porque muitas coisas vão acontecer...".
Enquanto o ser humano não sentir que o Planêta Terra é sua "Divina Morada" e não mudar suas acções, assistiremos -em tempo real - mais milhares de vidas sendo ceifadas inutilmente. Veremos factos como o último massacre nos EUA, onde a irracionalidade de uma mãe tresloucada (que montou um arsenal de guerra e ensinou aos filhos a manipularem aquele lixo cósmico), provocou a morte de dezenas de miúdos inocentes, cuja culpa intelectual recai sobre esta maluca endoidecida.
Por outro lado, depois do "Grande Fiasco Mítico e Religioso", espero que os irmãos e irmãs - de todas as idades e credos - parem de uma vez por toda de alimentar os "sacerdotes chupins" e apliquem seus "dízimos" em prol das crianças pobres e famintas de todo o Planêta.
Grande abraço a todos.

"O filósofo da revolução insurgente"...Marialva.

Rui Palmela disse...


Querido Amigo e Irmão Marialva,

Começo por concordar contigo na questão dos 'dízimos' que enriquecem os pastores evangélicos e outros e aqueles que dominam milhões de 'crentes' pela cultura do medo fazendo previsões de "fim do Mundo" como um determinado pastor norte-americano que arrecadou 80 milhões de dólares para sua Congregação convencendo seus 'fiéis' a entregar seu dinheiro ou bens à Religião.

Enfim, já têm lugar garantido no Inferno esses falsos profetas que enganam as multidões e vivem faustosamente em suas mansões.

Quanto ao nosso amigo Romão Casals, compreendo seu esforço em tentar converter-me ao caminho religioso da ICAR e seus ditames, utilizando argumentos cheios de 'inspiração' nesse sentido, mas confesso que não faz o meu gosto e apenas vou comentando suas palavras com minhas próprias capacidades de argumentação que não se limita aos conceitos de nenhuma Religião, embora eu respeite o papel de todas elas mas sigo minha própria direcção.

De resto, "Deus não sonda Religiões, mas sim corações" e disso tenho a certeza que Deus sabe o que tenho no meu e quais são minhas convicções e desejos de dar meu contributo por um mundo melhor, com mais verdade e mais amor.

Aproveito para te desejar um Feliz Natal e que a Luz do Mundo ilumine todos os homens e mulheres desta Humanidade que anda há muito de costas voltadas para a verdade.





Anônimo disse...

Eu descobri que em um relatório da nasa foi descoberta uma nuvem de poeira cósmica radioativa vindo na velocidade da luz para a terra ,com previsão de chegada para 1/6/2014.

Anônimo disse...

Eu descobri que em um relatório da nasa foi descoberta uma nuvem de poeira cósmica radioativa vindo na velocidade da luz para a terra ,com previsão de chegada para 1/6/2014.

Anônimo disse...

Amigo e irmão Rui Palmela.
Amigo "Anônimo".

Como Ufólogo amador que sou, dei deste fato como de inúmeros outros que à olhos podem assustar. Em nossa galáxia próxima há mais de cem mil asteróides de tamanhos diversos que podem entrar em rota de colisão com a Terra. A última grande catástrofe conhecida data de cêrca de 5.700 anos (dilúvio), tomando por base o calendário Judaico que reputo o mais fiel. Assim, é mais fácil o amigo ganhar na loteria- várias vezes - do que um asteróide gigante atingir o Planêta. Este "negócio" de profecias é bom para os sacerdotes "comilões" que ainda insistem em vender um "lugar no céu" como fazia a Igreja Católica antes, durante e depois da Idade Média. Hoje, 26/12/2012, A NASA, a ESA, e Agências Aeroespacial da Russia, China e demais Países, monitoram 24 horas por dia - não só nossos espaços aéreos - como nosso sistema solar e o universo até onde alcançamos.
Também nossa tecnologia espacial e armamentista é capaz de repelir um asteróide de média proporção. Quanto à nuvem que o amigo cita, esta está há uma distância de 1 ano e meio/luz da Terra e é quase improvável que não tenha seu curso mudado por condições magnéticas diversas. Além do mais, hoje contamos com a ajuda de nossos irmãos Ets que não são frutos de mentiras ou de religiões ou de misticismo baratos; SÃO REAIS.
Do mais, sugiro ao amigo que não pesquise somente os "sites" oficiais da NASA e ESA, pois eles jamais vão confessar que dispararam centenas de mísseis nucleares contras Naves Ets; não contarão que já derrubaram Naves Ets usando o HAARP: não vão contar que tiveram contato direto com Ets; que todo o genoma humano foi mapeado pelos Ets, etc. Sugiro que o amigo pesquise alguns "sites" sérios de Ufologia, pois todo o conhecimento é fascinante.
Finalizo por dizer: Se ficarmos preocupados com o "fim do mundo" por acidentes cósmicos, corremos o risco de implodir o Planêta com nossa poluição, corremos alto risco de infartos pela nossa porca alimentação, corremos altíssimo risco de morrermos por crimes ou acidentes automobilíscos, etc.
Melhor é pensar em mudarmos de vida e adquirir CONHECIMENTO E AMOR, maneira única de alongarmos nossas vidas sobre nosso amado Planêta.

Grande abraços (Marialva)

Anônimo disse...

alô pessoal que acredita no que vê e não vê, a verdade é que o nosso mundo esta coberto de mistérios e muitos não querem assumir a essa realidade, pensam que somos os únicos na terra, mandamos na terra podemos fazer o que queremos com a terra que na verdade é um grande erro essa forma de pensar. devemos estar cientes que se estamos aqui há um propósito e acredito eu que quem nos mandou a esse mundo não tinha como propósito sermos fabricantes de armas que matam a nós próprios, inventar leis que não cumprimos, fazer armadilhas que podem nos matar, empobrecer os recursos do solo para que amanha os nossos filhos sintam necessidades. Dioclidio Armindo Abrage

Dioclidio Abrage disse...

ola!
podem achar estranho o que vou dizer mas eu penso que o mundo acabou já faz tempo so algumas pessoas não querem acreditar. estamos vivendo um tempo de bónus ou estamos simulando os últimos desastres do final dos tempos. porque já o fim verdadeiramente dito penso que esses desastres serão mais violentos assim como as palavras serão mais violenta aos ouvidos dos que tiveram oportunidades de ouvir e nunca quiseram ouvir. Dioclidio Abrage

Dioclidio Abrage disse...

ola!
podem achar estranho o que vou dizer mas eu penso que o mundo acabou já faz tempo so algumas pessoas não querem acreditar. estamos vivendo um tempo de bónus ou estamos simulando os últimos desastres do final dos tempos. porque já o fim verdadeiramente dito penso que esses desastres serão mais violentos assim como as palavras serão mais violenta aos ouvidos dos que tiveram oportunidades de ouvir e nunca quiseram ouvir. Dioclidio Abrage

Dioclidio Abrage disse...

ola!
podem achar estranho o que vou dizer mas eu penso que o mundo acabou já faz tempo so algumas pessoas não querem acreditar. estamos vivendo um tempo de bónus ou estamos simulando os últimos desastres do final dos tempos. porque já o fim verdadeiramente dito penso que esses desastres serão mais violentos assim como as palavras serão mais violenta aos ouvidos dos que tiveram oportunidades de ouvir e nunca quiseram ouvir. Dioclidio Abrage

Dioclidio Abrage disse...

ola!
podem achar estranho o que vou dizer mas eu penso que o mundo acabou já faz tempo so algumas pessoas não querem acreditar. estamos vivendo um tempo de bónus ou estamos simulando os últimos desastres do final dos tempos. porque já o fim verdadeiramente dito penso que esses desastres serão mais violentos assim como as palavras serão mais violenta aos ouvidos dos que tiveram oportunidades de ouvir e nunca quiseram ouvir. Dioclidio Abrage

Joao Joshua disse...

O erro é pensar que o Mundo vai acabar... e não vai... nem o Mundo, nem as pessoas todas! O que vai mudar é o sistema, por tanto a forma de pensar e tudo o mais que se encontra errado.

Sim, uma enorme quantidade de pessoas será expulsa do planeta e muitas sofrerão a segunda morte (perda da auto-consciência de existir), mas outras continuarão por cá para evoluírem interiormente.

O pico das expulsões da Terra deverá ser por volta de 2036, mas até lá muito irá acontecer! E mesmo depois as pessoas continuarão a ser avaliadas de muito perto podendo ser expulsas... o planeta vai virar uma escola onde serão tratados como "crianças" até que aprendam a ser seres humanos plenos, e isto irá durar à volta de mil anos terrenos depois será altura de provarem que mereceram cá ficar ou serem expulsos permanentemente... conforme a sua decisão interior.

Haverá "Sinais na Terra" algures entre 18 de novembro de 2015 e 20 de dezembro de 2015, isto para que se cumpra a profecia de Bandarras "(...) "Trinta e dois anos e meio
Haverá sinais na terra;" (...)".

Mais informações se seguirão depois de cumpridos os sinais na Terra (que obviamente não é o fim do mundo).

rodrigo maklen disse...

Na verdade nostradamus nunca disse que o mundo acabaria em 1999 nem os maias nunca disseram que acabaria em 2012, isso foi erro de interpretaçao.

Related Posts with Thumbnails